Após três dias intensos de trabalho, as equipes puderam trocar informações e fazer um plano de trabalho conjunto para melhorias no sistema de análise do cadastro ambiental rural

Técnicos do Serviço Florestal Brasileiro (SFB) e da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) se reuniram nesta semana, em Cuiabá, para discutir melhorias no módulo de análise do Sistema de Cadastro Ambiental Rural (SiCAR).

Essa agenda foi programada durante uma visita do secretário Carlos Fávaro e sua equipe ao ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, em maio, para relatar as dificuldades enfrentadas por Mato Grosso que analisou até o momento menos de 1% do total de 103 mil imóveis inscritos, que representam 91% de 67 milhões de hectares de área cadastrável, e validou apenas 14 desses cadastros.

O secretário executivo da Sema, André Baby, conduziu a reunião juntamente com os secretários adjuntos e equipe técnica para chegar a um consenso sobre quais as melhores alternativas para dar prosseguimento a esta parceria, tendo em vista a importância de atender de forma eficiente e célere a população.

“Nós explicamos ao ministro na ocasião as dificuldades que estamos tendo, a importância do cadastro para o estado e ele nos garantiu soluções imediatas. Agora, estamos trabalhando juntos, Sema e Serviço Florestal, com esse objetivo”.

Nesses dois dias de reuniões, os gestores e técnicos trocaram informações de forma a debater as melhorias necessárias ao sistema, como estabelecer um plano de trabalho para os próximos meses.

Estiveram presentes nestas agendas:

Carlos Kato (secretário adjunto de Gestão Ambiental), Mauren Lazzaretti (secretária adjunta de Licenciamento Ambiental), Rodrigo Quintana Fernandes (Assessor-chefe), Alessandro Gomes, Gabriel Vitoreli Oliviera, Felipe Klein, Olga Kummer e Aline Souza Rios (Sema); Raimundo Deusdará Filho (diretor-geral do SFB), Aline Antunes Dias, Pedro Salles, Carlos Eduardo Sturm (Serviço Florestal); Ana Flávia Aquino (Sub procuduradoria-Geral de Meio Ambiente); Jessé Soares e Samuel Campos (Laboratório de Estudos e Projetos em Manejo Florestal – Lemaf/ Universidade Federal de Lavras).

Nova agenda

Para equacionar as questões referentes ao SiCAR, o ministro do Meio Ambiente se prontificou a receber novamente a equipe da Sema ainda este mês para avaliar os avanços obtidos.

SEM COMENTÁRIOS